Os sacos de lixo tradicionais ou sacos de supermercado são usados para forrar as lixeiras, nesse texto discutiremos sobre as suas desvantagens e de como podemos causar menos impacto ambiental.

Como por exemplo, pode-se citar os sacos pretos ou de supermercado pois eles são práticos e gratuitos, mas são de alto custo ambiental, depois de usadas, geralmente por uma única vez, costumam ser descartadas de maneira incorreta e levam pelo menos 100 anos para se decompor.

Podemos então notar que mesmo com um alto custo para o meio ambiente, a sociedade ainda consome sacos que prejudicam a natureza, gerando prejuízos inconstáveis para a fauna e flora do nosso planeta.

CONSUMO DE SACOS PLÁSTICOS NO MUNDO

Sacos de plásticos são consumidos pelo mundo inteiro, aproximadamente um bilhão por dia. A partir daí aumentam a poluição, entopem bueiros impedindo o escoamento das águas das chuvas ou vão parar nos mares, rios e matas.

Então é importante que comecemos a explorar outras alternativas, se quisermos preservar o meio ambiente, por exemplo existe opções alternativas para um saco de lixo sustentável.  Que são as biodegradáveis, orgânicos e oxi-biodegradáveis

TIPOS DE SACOS PLÁSTICOS

sacos de lixo

 

  • Biodegradáveis: Eles possuem um processo de degradação que inicia 2 meses após o uso. Quando ele fica exposto ao calor, à luz solar e à tensão mecânica, o saco parte-se em minúsculos pedaços, que são digeridos por microorganismos, completando a biodegradação e assim facilitando o trabalho da natureza.Podem ser reutilizados enquanto não começarem a degradar, não emitem metano em sua degradação e são testados, seguros e aprovados pra contatos com alimentos.
  • Orgânicos: A empresa Res Brasil é uma empresa usa resinas de amido feitas de milho, batata e mandioca. Em até 120 dias o plástico é degradado por conta do contato com microorganismos presentes no solo e resíduos orgânicos de locais de baixo acesso e aterros. O que sobra ainda pode ser usado como adubo.
  • ALERTA: Oxi-biodegradáveis: Não atende as normas técnicas nacionais e internacionais sobre biodegradação. Portanto, não é biodegradável. Este plástico, apenas divide-se em milhares de pedacinhos.

No fim do processo não desaparece, mas vira um pó que pode parar em rios, lagos e mares. Isso significa que nossa geração poderá beber involuntariamente plástico oxidegradável misturado à água; causando grandes problemas futuros de saúde publica.

Os resíduos também podem ser ingeridos por animais, causando sérios danos econômicos e ambientais.

Sacos de papel é uma boa opção? 

A matéria prima do papel é a Celulose que é enorme e retirada basicamente de árvores: se a demanda por celulose cresce, aumenta também a demanda por árvores.

A produção do papel também utiliza grandes quantidades de insumos (água e energia) e produtos químicos, e despeja grande volume de efluentes e emissões.

Na verdade, produz mais poluentes do ar e da água que a produção do plástico. Mas o papel é  reciclado ? O papel é altamente reciclável, é verdade. Mas o processo de reciclagem consome mais alguns milhares de litros de água e outros produtos químicos.

Sacos de lixo e animais:

sacos platiscos e animais

Outro problema ambiental é a grande morte de animais. Muitos animais que buscam alimentos nas ruas ou em lixões terminam comendo e morrendo sufocados ou engasgados ou até mesmo presos por conta de sacos plásticos.

No mundo são 136 mil baleias e focas mortas anualmente pela chamada peca fantasma, é quando os animais ingerem ou se enroscam em matérias plásticos.

Aqui no Brasil, segundo o Projeto Tamar, as tartarugas marinhas sofrem bastante por causa do descaso ambiental, pois comem o plástico confundindo com seu alimento primordial, águas vivas.

 Medidas em longo Prazo e Conscientização.

Levando em consideração o texto a cima, utilização de sacos plásticos para o lixo deve ser motivo de alerta entre os consumidores.

É preciso criar uma consciência ecológica, ensinar a população que é preciso ser SUSTENTÁVEL.

Criar recursos que possam substituir as sacolas plásticas no dia-a-dia das pessoas. Incentivar escolas a trabalhar com os alunos e funcionários sobre a conscientização e sobre os plásticos biodegradáveis.

Mostrar meios de reutilizar matérias-primas na fabricação de outros tipos de sacolas. As ações precisam ser claras e muito organizadas, pra as pessoas consigam entender a importância dessa consciência sustentável

O inicio do aprendizado deve ser em casa, então é importante esse movimento sustentável aconteça em família: pais e filhos. A sustentabilidade precisa ser passada de geração para geração para conseguimos um planeta melhor.