Tudo sobre ornitorrincos

Nem todas as pessoas conhecem esse animal exótico, por isso, vamos entender um pouco mais sobre os ornitorrincos!

Leia o artigo até o final e descubra o que são, onde eles vivem, suas características e muito mais.

Bônus: Veja também 08 incríveis curiosidades sobre este animal!

O que são ornitorrincos?

O ornitorrinco (Ornithothynchus anatinus) é considerado um dos animais mais exóticos de todo o planeta, sendo a única espécie viva de sua família e gênero.

É um mamífero semiaquático que faz parte do pequeno grupo dos monotremados (junto com as equidnas), que correspondem aos únicos mamíferos ovíparos existentes em todo o planeta.

Eles possuem um pelo com cor marrom escura, e são extremamente diferentes.

Onde eles vivem?

Como são raros, não são encontrados em todo o lugar do mundo. Seu habitat inclui variadas áreas da Austrália e Tasmânia, sendo bem adaptáveis a diferenças climáticas.  Já foram encontrados em altas temperaturas de florestas assim como em montanhas cobertas de neve.

Por ser semiaquática, a espécie é dependente de lagos, lagoas, córregos, rios, represas ou diques para irrigação, podendo ser encontrada em todos esses lugares dentro de suas regiões endêmicas.

Características físicas

Seu corpo é todo hidrodinâmico e coberto por pelos isolantes amarronzados, que o protegem em condições mais frias.

Ele possui membros curtos, focinho alongado (que lembra um bico de pato), pés com membranas interdigitais e caudas parecidas com a dos castores. Não possuem orelhas externas e o peso e comprimento variam entre os sexos (os machos sempre são maiores que as fêmeas).

Ainda, os filhotes são dotados de dentes formados por cálcio que são substituídos por uma placa queratinizada quando adultos. Já deu para perceber com essa fisionomia o por que ele é tão diferente, não é mesmo?

ornitorrincos

Hábitos de vida e comportamento

Mais da metade do dia (cerca de 12 horas) os ornitorrincos passam em baixo d`água caçando seu próprio alimento, sendo excelentes mergulhadores e muito bem adaptados ao ambiente aquático.

Assim, eles possuem importantes adaptações para a água, como membranas de pele para proteção dos olhos, ouvidos e narinas durante o mergulho.

Seus hábitos de vida são preferencialmente noturnos ou crepusculares.

Leia também Tudo sobre animais marinhos.

Alimentação

A dieta é composta principalmente por pequenos peixes, caramujos, girinos, camarões e lagostins de água doce, anelídeos e larvas de insetos aquáticos, sendo que o animal precisa se alimentar todos os dias de uma quantidade de comida que se aproxime a 20% de seu peso corporal.

Apesar dos adultos não terem dentes, a mastigação é feita por suas placas córneas e a areia presente nos alimentos costuma ajudar nesta função.

Reprodução:

Por serem os únicos mamíferos ovíparos, sua reprodução é bastante peculiar e diferenciada.

Primeiramente, as fêmeas não possuem mamas. O leite é produzido por glândulas e disponibilizado na região do peito do animal, onde os filhotes lambem seu alimento.

O período de acasalamento ocorre entre os meses de junho e outubro, diretamente dentro da água. Após esse processo, a fêmea cava um longo túnel onde coloca de um a três ovos (semelhantes a ovos reptilianos).

Quando estiverem prontos, os filhotes eclodem do ovo sozinhos, rompendo a casca com seus dentes. Eles nascem sem pelos e cegos, por isso são muito vulneráveis e ficam sob os cuidados da mãe até serem desmamados.

Quer saber mais sobre Biologia? Veja todos nossos artigos.

Ornithorhynchus

Comportamento e ecologia:

Quando não estão mergulhando e caçando, esses mamíferos se alojam em buracos nas margens d`água, sempre camuflados de seus predadores com vegetação típica da região e aquática.

Costumam viver até os onze anos de idade in natura e dezesse anos em cativeiro, segundo estudos já realizados.

Seus predadores incluem serpentes, roedores, cães, gatos, raposas-vermelha, aves de rapina, alguns lagartos e crocodilos e até mesmo o ser humano.

8 Curiosidades sobre o Ornitorrinco

Você sabia que…

  • Os bicos dos ornitorrincos lhe conferem um sexto sentido?

Eles permitem a captação de campos eletromagnéticos gerados por outros seres vivos, utilizando-os para geolocalização no momento da caça.

  • Eles amamentam sem ter mamilos?

Apesar de serem mamíferos, eles amamentam seus filhotes sem mamilos. O leite sai por glândulas mamárias do abdômen e o bebê suga diretamente do pelo da mãe.

Eles possuem esporões de veneno nas pernas traseiras, que ficam armazenados para a temporada de acasalamento.

  • Ele vive muito melhor na água do que na terra?

Em terra firme ele gasta 30% mais energia para se mover do que quando está na água.

  •  Podem usar “cascalho” como dentes?

Apesar de não possuir dentes, eles tem uma estratégia bem engenhosa quando querem quebrar comidas mais difíceis: utilizam cascalho como dentes improvisado.

  • A cauda pode ter função de reserva de gordura?

Essa estrutura é responsável por guardar metade da gordura corporal do animal caso haja escassez de comida.

  • Eles costumavam ser muito maiores antigamente?

Registros fósseis indicam que espécimes ancestrais possuíam pelo menos o dobro do tamanho atual do animal, indicando que eles eram muito maiores nos primórdios.

  • Eles são animais símbolo na Austrália?

A moeda de vinte centavos do país é estampada com um ornitorrinco, fazendo-o como ícone nacional do país. Ele comumente aparece também como mascote de competições e eventos.

You might also like

Leave A Reply

Your email address will not be published.