Centopeia: Conheça tudo sobre o inseto

centopeia venenosa

A centopeia é um animal invertebrado da classe dos quilópodes, que são animais que possuem muitas pernas e um corpo segmentado.

Muitas pessoas nem mesmo fazem ideia de qual é a real aparência de uma centopeia e a  imagina como nos desenhos infantis, de modo bastante amigável, um animal comprido, colorido, com várias pernas e patinhas redondas.

Mas, para aqueles que já encontraram – e identificaram! – uma centopeia na vida real ou até mesmo por fotos, podem encarar a centopeia até mesmo como um animal extremamente perigoso, por conta de sua aparência assustadora.

Mas será que elas realmente apresentam perigo para às pessoas? Quais são as suas principais caracteristicas? Onde ela surgem? Do que se alimentam?

Tudo isso você vai saber agora!

Como são as centopeias?

Assim como outros da animais da mesma classe, normalmente centopeias são pequenas, medindo até menos de 10 cm.

Porém, existem diferentes tipos de centopeias, desde as espécies mais comuns até as mais “exóticas”, como é o caso da scolopendra, que é uma das espécies mais perigosas, podendo ter até mesmo 30 cm de comprimento. Ou seja, ela é maior que um pé humano!

Outra informação importante é que as centopeias não são consideradas insetos. E elas também recebem diversas outras nomenclaturas como lacraias, bicho cabeludo, embuá.

Inclusive, muitas pessoas costumam confundir centopeia com lacraias. E apesar das centopeias serem erroneamente chamadas de lacraias, há diferenças entre elas.

A figura da centopeia é muito comum em desenhos infantis, tendo até mesmo uma aparência amigável que engana muitas pessoas. Mas ao se deparar com uma na vida real muitas pessoas têm medo.

Dentro as suas muitas características, as centopeias apresentam de 15 a 191 pares de pernas, e isso será baseado de acordo com o seu tipo.

Como é possível observar, esse número sempre estará em ímpar.

Mas o seu último par de pernas não seve para ajudar em sua locomoção, a função dessas pernas é sensorial e para atuar em defesa própria.

E há quem não entenda como elas conseguem se mover tão juntinhas, mas isso é devido as suas células nervosas que são associadas aos músculos e juntas que conseguem controlar todo o seu movimento.

Ou seja, tudo é automático e devidamente controlado pelo cérebro.

Desse modo, é fácil perceber que todo mundo já viu uma centopeia pelo menos uma vez na vida. Por isso, para entender mais sobre elas e conhecer todas as suas peculiaridades é só continuar conosco.

centopeia

CARACTERÍSTICAS

Como é de se esperar para um animal tão peculiar e diferente como a centopeia, ela possui diversas características impressionantes.

Lembrando que essas características podem ser alteras, mas em geral, são as seguintes:

  1. São carnívoros.
  2. As centopeias são animais pedradores, e se alimentam de pequenos moluscos, insetos, besouros, vermes e aranhas.
  3. Centopeias conseguem se alimentar até mesmo de animais como rãs e cobras.
  4. A centopeia encontra os outros animais para se alimentar através de suas antenas.
  5. No Brasil, existem em torno de 150 espécies diferentes de centopeias.
  6. A centopeia põe em torno de 15 a 50 ovos e, normalmente, elas abrem um buraco no chão para depositá-los em segurança.
  7. Elas possuem 15 a 191 pares de pernas.
  8. Normalmente, a coloração da centopeia é marrom com amarelo. Porém, podem apresentar algumas outras cores e tons, como vermelho, verde, preto e até mesmo verde!
  9. Possui um sistema digestivo completo, no qual começa pela boca e termina no ânus.
  10. Quase todas as espécies têm vida noturna.
  11. As centopeias excretam ácido úrico.
  12. Apresentam uma média de vida de 6 anos.
  13. Normalmente, as centopeias preferem locais úmidos devido a perca rápida de água.
  14. Dependendo da espécie, pode ser cega, ou apresentar mais de um olho.
  15. Possuem nas pernas do primeiro segmento do seu corpo pinças venenosas.
  16. Sua cabeça apresenta uma casca mais dura que o resto do corpo.
  17. Estão presentes em regiões temperadas e tropicais do planeta.
  18. Suas larvas (filhotes) são parecidas com os adultos.
  19. Quando vão caçar, utilizam suas garras que possuem veneno para pegar a presa.
  20. Quando se sentem ameaçadas, levantam suas caldas, apesar de que não é lá que se encontra o seu veneno. O veneno está localizado na frente do corpo junto com as mandíbulas.
  21. Ao andarem sobre a terra, vão cavando túneis e fechando logo em seguida para não serem perseguidas por predadores.

centopeia

 

CENTOPEIAS PICAM OU SÃO VENENOSAS?

As centopeias caseiras picas, porém não são perigosas e raramente picam pessoas. Porém, a picada da centopeia pode ser muito dolorosa, e é algo que você sente instantaneamente. Normalmente, as pessoas até mesmo sentem dor por várias horas.

O lado bom, claro, é que além da dor, não há muito mais com o que se preocupar. Mesmo com centopeias maiores, o veneno traz bastante dor, mas não chega a trazer danos sérios à saúde humana.

Já com os animais, a história é diferente, pois ela provavelmente irá picá-los, ainda mais se forem pequenos.

As centopeias em si não são venenosas, mas possuem glândulas que apresentam veneno. E os utilizam para poder paralisar a presa e comê-la.

Além disso, elas utilizam o seu veneno como um sistema de defesa contra seus pedradores, e, assim, a sua picada pode ser letal para muitos animais. No caso dos seres humanos, algumas espécies podem causa alergias com sua picada.

O AMBIENTE DA CENTOPEIA

Algumas pessoas sofrem bastante com o aparecimento de centopeias e lacraias em suas casas, mas não fazem ideia de por que esses animais continuam aparecendo.

Isso se deve, muito provavelmente, ao ambiente.

Locais escuros, úmidos e quentes tendem a ser o habitat ideal desse tipo de animal. Por exemplo, elas podem ficar embaixo de pedras, em árvores, mas também se escondem entre o piso de banheiro, em ralos e etc.

Mas o lado bom é que normalmente as centopeias normalmente não andam em grupo, sendo uma espécie bastante solitária. Ou seja, se você encontrou uma, não precisa se preocupar: muito provável dela estar sozinha!

Porém, é sempre bom cuidar bastante do ambiente para evitar o surgimento de outras que podem ser atraídas pela umidade.

CENTOPEIAS E SEUS PETS

Uma preocupação muito grande para quem tem pets, como cachorros e gatos, é uma picada de um animal peçonhento, ainda mais se o seu animalzinho costuma ser curioso e gosta de “brincar” com insetos e animais semelhantes a insetos.

O primeiro passo para evitar que algo aconteça, é ter bastante atenção onde seu pet está. Locais sujos, com entulhos, em matas ou próximos a rios tem uma maior chance de aparecer centopeias e outros bichos perigosos e venenosos.

Porém, mesmo dentro de casa pode acontecer. Nesses casos, é muito importante você levar o seu animal para um hospital veterinário, especialmente por que o seu bichinho sentirá muita dor.

centopeia

 

IMPORTÂNCIA DAS CENTOPEIAS

Esses bichinhos nunca serão bem-vindos nas nossas casas, portanto quando os vemos o primeiro instinto é acabar com a sua pequena vida.

Porém, é preciso saber que, assim como todos os outros animais, as centopeias também possuem a sua importância. Por isso, estamos sempre cometendo um erro terrível ao mata-los, pois na verdade, eles nos são grandes aliados.

Sabe por que a sua importância é tão significativa? Eles são verdadeiros predadores de outros insetos!

Sei que sua aparência comprida e com dezenas de pernas, acabam por ser bastante intimidantes, mas é preciso reconhecer a sua importância. E com a ajuda desses series, podemos ficar longe dos insetos.

Além disso, a centopeia não é apenas um animal do mal ou inconveniente. Ela é extremamente útil para a medicina e há muitos estudos sobre a importância desse animal para o tratamento de diversas doenças.

Ainda há muito para ser descoberto sobre a centopeia e suas caracteristicas, mas especialmente sobre a sua importância para a medicina e, portanto, para a nossa própria saúde.

Se mesmo depois de tudo isso você ainda tem nojo do animalzinho, não tem problema! Apenas não esmague mais quando o olhar. Pegue uma pequena pá de lixo e o retire da sua residência.

Assim, você terá o seu problema resolvido.

E aí, você já encontrou alguma centopeia em sua casa? Você sabia dessas informações todas sobre o animal? Comenta aqui embaixo e nos conte a sua experiência.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Continue lendo:

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *