Descubra Como Cuidar da Calathea: Dicas Preciosas!

Quem não ama flores? Elas são alegres, perfumadas e coloridas. Elas podem trazer muita beleza e vida para qualquer lugar. Mas o que acontece quando você quer algo um pouco diferente dos típicos arranjos de flores? Se você está procurando algo realmente único, então você precisa conhecer a Maranta!

A Maranta, também conhecida como Calathea, é uma planta de folha ornamental única que tem sido cada vez mais popular nos lares e jardins dos brasileiros. Esta planta de interior tem belas folhas verdes brilhantes com listras multicoloridas – um verdadeiro show na sua casa!

E não se engane; estas plantas são resistentes à secura e relativamente fáceis de cuidar. Afinal, quem não gosta da presença relaxante e moderna de uma planta em seu lar?

Neste artigo, vou mostrar-lhe como cultivar uma Calathea em sua casa. Vamos começar por entender melhor a Maranta e depois descobrir quais são as melhores práticas para estimular o seu crescimento saudável.

calathea

Nome Família Altura Luminosidade Umidade
Calathea Marantaceae 30-60cm Meia sombra 50-70%

calathea

Conclusão

A Calathea é um gênero de plantas herbáceas da família Marantaceae, comum em regiões tropicais e subtropicais. São muito populares nos jardins, devido às suas folhas coloridas e exuberantes. Alguns espécimes têm o nome popular de planta-arco-íris, pois as folhas mudam de tom durante o dia.

Planta Calathea – Nome Popular, Características e Cuidados

A Calathea é conhecida como planta-arco-íris, rajada de papagaio, banana, zebra, arco-íris, entre outros nomes populares. As folhas da calathea são grandes, variando desde as pequenas até as grandes, chegando a medir 40 cm de comprimento. O formato das folhas é variado, como a folha de bananeira, a folha de arroz ou a folha de zebra. Alguns espécimes possuem tons vibrantes nas bordas das folhas, que se destacam em meio ao verde mais escuro. As flores da calathea são pequenas, bastante discretas e com pouca durabilidade.

A Calathea necessita de cuidados específicos para manter sua beleza. Por possuir folhas grandes e coloridas, necessitam de muita luz e água. Ela adora solos ricos em matéria orgânica, com boa drenagem. Ela prefere ambientes úmidos, mas não tolera encharcamentos. Uma rega moderada é preferível, para evitar o risco de doenças fúngicas.

Doenças e Pragas que Afetam a Calathea

Devido à sua sensibilidade ao excesso de água, a Calathea é vulnerável a ataques de pragas e doenças, como os fungos. O principal sintoma de problemas causados por fungos é a presença de manchas pretas nas folhas. Se você notar alguma mancha na folha da sua Calathea, deve interromper a rega imediatamente e remover as folhas afetadas.

Outras pragas que podem afetar a Calathea são os ácaros e os pulgões. Os ácaros são facilmente identificáveis pelas suas estruturas em forma de teia. Já os pulgões se alimentam da seiva da planta, o que resulta em manchas amareladas nas folhas. A melhor forma de combater esses insetos é usar remédios naturais e produtos químicos específicos para cada problema.

Como Plantar e Cuidar da Sua Calathea

Para plantar uma nova Calathea, você precisa escolher um local onde ela receba luz direta (mas não sol forte) por algumas horas por dia. O vaso ideal tem que ter um bom dreno para que a água não fique acumulada na base da planta. Quando for regar, lembre-se de que o solo deve ficar úmido mas não encharcado.

Outro cuidado importante é o adubo. Os adubos químicos são recomendados para plantas ornamentais como a Calathea. No entanto, se você preferir usar fertilizantes orgânicos, opte por aqueles à base de farinha de osso ou compostagem. Para obter melhores resultados, utilize adubo líquido duas vezes por mês durante a primavera e o verão.

Benefícios da Incluir a Calathea na Decoração de Casa

A Calathea é uma ótima opção para quem quer decorar casa com plantas ornamentais. Ela adiciona vida e cor a qualquer ambiente, além de purificar o ar. Ela também absorve dióxido de carbono durante o dia e libera oxigênio à noite, o que contribui para melhorar a qualidade do ar dentro da sua casa.

Além disso, ela pode ser usada para criar jardins verticais ou painéis vegetais. Isso pode ser feito pendurando-se recipientes próprios para plantio vertical na parede. Assim você terá uma decoração moderna e divertida!

Conclusão

A Calathea é uma planta tropical exuberante, muito popular entre os jardineiros devido às suas folhas coloridas. Para manter sua beleza, ela precisa de luz indireta, solo bem drenado e regas regulares. É importante estar atento a possíveis doenças e pragas que podem afetá-la.

Além disso, ela oferece diversos benefícios para a decoração da casa: purificam o ar e podem ser usadas para criar jardins verticais ou painel vegetal. Se você deseja incluir um toque exótico na decoração da sua casa, experimente cultivar uma Calathea!

calathea

Como fazer replantio/transplante da Calathea!

Olá, pessoal! Hoje eu quero contar como foi meu primeiro transplante de Calathea. Foi um dos momentos mais emocionantes na minha vida de jardineiro. Tudo o que eu precisava eram as ferramentas certas e algumas dicas para ter sucesso! Então, aqui estão as etapas básicas para realizar o seu próprio transplante:

Primeiro passo: Escolha uma panela ou vaso novo. Certifique-se de que ele seja grande o suficiente para a sua Calathea. Dê preferência àqueles feitos de material resistente, como terracota. Além disso, você também desejará adicionar alguns buracos para drenagem na parte inferior.

Segundo passo: Encha a panela/vaso com um substrato adequado. É importante escolher um que faça bem a drenagem da água, pois é isso que é melhor para as raízes da Calathea. Você também desejará adicionar alguns nutrientes à mistura do solo para garantir que ela cresça saudável.

Terceiro passo: Coloque a planta na nova panela/vaso com cuidado. Ao fazer isso, certifique-se de regar bem as raízes antes e depois do transplante. Isso irá manter as raízes hidratadas durante todo o processo.

Quarto passo: Depois de colocar a sua Calathea na nova panela/vaso, cubra as raízes com terra e regue-a corretamente, mas não exagere. Tenha certeza de que ela receba luz solar direta por pelomenos 6 horas por dia e continue regando sempre que necessário.

E pronto! Agora você tem uma linda Calathea em seu novo lar! Lembre-se sempre de manter o solo úmido, mas nunca encharcado, e escolha luz solar indireta para mantê-la saudável e florida.

calathea

Dúvidas Comuns:

1. Quais são os cuidados que eu deveria ter com minha Calathea?

Resposta: Para cuidar bem da sua Calathea, você precisa ter em mente algumas coisas básicas. Primeiro, ela prefere um ambiente úmido então mantenha a umidade do ar alta. Certifique-se também de que ela receba luz indireta filtrada para crescer forte e saudável. Além disso, regue-a regularmente sem encharcar o solo e use fertilizante orgânico uma vez por mês.

2. Por que sonhar com flores é bom?

Resposta: Sonhar com flores é extremamente benéfico para nossa mente e corpo! A energia positiva transmitida pelas flores nos conectam à natureza e nos remetem a sentimentos de leveza, paz interior e equilíbrio emocional. As flores nos ajudam a libertar os bloqueios emocionais, nos trazendo cura profunda.

3. Minha Calathea está perdendo suas folhas, o que devo fazer?

Resposta: Se sua Calathea estiver perdendo folhas isso significa que ela está passando por um momento de stress. Verifique se ela está recebendo luz adequada (luz indireta filtrada), se ela tem espaço suficiente para crescer, se a temperatura do ambiente é adequada (entre 18ºC -25ºC) e se o solo não está encharcado demais pois isso também causa stress na plantinha!

4. Como posso saber se minha Calathea está feliz?

Resposta: Uma Calathea feliz é caracterizada por um crescimento vigoroso e saudável! Suas folhas serão grandes e brilhantes, com cores vibrantes e cheias de energia! Tente verificar também se as raízes dessa plantinha estão saudáveis, pois quanto maior for suas raízes melhor será o desenvolvimento da plantinha 🙂

Decore sua casa ou apartamento com a linda planta Calathea

Você está procurando uma maneira de dar um toque especial à sua casa ou apartamento? Então, a planta Calathea é a escolha certa! Ela é uma planta exótica e muito bonita que traz vida e cor para qualquer ambiente.

A Calathea se destaca por suas folhas em tons de verde e roxo e suas flores em formato de estrela. Elas são muito resistentes e também são conhecidas por serem espíritos livres, pois não precisam de muitos cuidados para se manterem saudáveis.

Uma das melhores coisas sobre a Calathea é que ela é muito versátil, podendo ser usada em qualquer tipo de decoração. Você pode colocá-la em uma sala de estar ou quarto, na área da piscina ou mesmo na varanda. Você também pode usá-la como parte de um jardim vertical, criando um visual impressionante.

Outra vantagem da Calathea é que ela tem um aroma maravilhoso que pode ser sentido quando você passa por perto dela. É como se você estivesse andando por um jardim cheio de flores.

Além disso, a Calathea tem propriedades medicinais. Estudos mostram que ela pode ajudar a aliviar os sintomas da asma, alergias e problemas respiratórios. Ela também pode ajudar a reduzir o estresse e ansiedade, tornando o ambiente mais calmo e relaxante.

Então, se você está procurando uma maneira de adicionar cor e vida à sua casa ou apartamento, considere adicionar a linda planta Calathea à sua decoração. Ela irá fornecer um toque único e especial para qualquer ambiente.

calathea

Para Estudantes do ENEM e Biológos

Fatos Históricos da Planta Calathea

A Calathea, também conhecida como Rattlesnake Plant, é uma planta tropical nativa das florestas úmidas do Brasil, Colômbia e Venezuela. Ela pertence à família Marantaceae, que inclui mais de 300 espécies de plantas herbáceas perenes. Estas plantas são caracterizadas por suas folhas coloridas e onduladas, que podem variar de tons verdes a roxos e cinzentos.

O nome científico da calathea é Maranta leuconeura, mas ela é frequentemente chamada de Calathea ornata ou Calathea lancifolia devido às suas folhas em formato de lança. A palavra Calathea vem do grego kalathos, que significa “cesta”, um nome dado à planta devido ao seu padrão espiralado de folhas. Esses padrões são únicos para cada espécie e podem ser usados para identificá-las.

De acordo com o livro “Plantas Ornamentais”, escrito por Francisco De Assis Costa Neto (2015), as calatheas foram introduzidas na Europa no início do século XIX. Desde então, elas se tornaram populares com jardineiros e colecionadores de plantas devido ao seu visual atraente. Algumas variedades foram desenvolvidas para produzir flores e frutos interessantes.

Além disso, as calatheas têm sido usadas há muito tempo como remédios caseiros para aliviar problemas digestivos, reumatismo e outras condições inflamatórias. Elas também são usadas em tratamentos estéticos para melhorar a pele e os cabelos. Hoje em dia, ela é principalmente cultivada com fins ornamentais e geralmente é mantida dentro de casa por causa do clima quente necessário para o seu desenvolvimento.

Fonte bibliográfica: NETO, Francisco De Assis Costa. Plantas Ornamentais: Manual Pratico Para Jardinagem E Paisagismo. Editora Nobel, 2015.

IMPORTANTE: O conteúdo deste artigo foi atualizado em 29-03-2023 pela equipe do GPA Brasil. O Artigo acima ou qualquer conteúdo do site tem função apenas informativa e deve ser utilizada sempre com atenção.

Deixe um comentário