Murta em Vaso: Descubra Como Cuidar e Plantar!

Você já ouviu falar da murta em vaso, também conhecida como “murtinha”? Se não, está na hora de conhecer mais sobre essa planta. Ela tem um jeito único de agradar aos olhos e fazer você se sentir em casa.

A parte mais legal é que você não precisa ter um enorme espaço para cultivar suas próprias murtinhas. Elas são perfeitas para qualquer ambiente, desde pequenas janelas até grandes jardins. E quando bem cuidadas, podem durar por anos.

No entanto, a murta em vaso requer certos cuidados para crescer saudável e vigorosa. Por isso, criamos este artigo para te ensinar tudo sobre essa plantinha adorável. Vamos começar?

Nesse post você vai aprender os seguintes: Estilos de vaso para a murtinha; Como plantar, regar e adubar; Erros comuns no cultivo; Benefícios da murtinha e dicas extras! Não perca tempo e venha descobrir os segredos deste belíssimo vegetal!

murta em vaso

Nome Científico Nome Popular Família
Myrtus communis Murta em vaso Mirtaceae
Altura Até 1,5 m
Luminosidade Pleno sol ou meia sombra
Umidade do solo Média

murta em vaso

Informações Gerais sobre a Cultura

A Murta (Myrtus communis) é uma planta arbustiva originária da região mediterrânea, que possui folhas coriáceas, pequenas flores brancas e frutos negros – também conhecidos como ormoeiros – muito usados na culinária.

Características e Cuidados

A Murta é uma árvore resistente, adaptável às condições climáticas e ao solo. Em geral, as plantas em vaso não precisam de grandes cuidados, pois não necessitam de irrigação frequente e resistem à seca. Esta espécie cresce rapidamente e seu porte pode variar entre 1 e 2 metros, dependendo das condições do lugar onde foi plantada. Para manter o tamanho desejado deve ser podada uma vez ao ano.

Plantio de Arbusto de Murta

É recomendado que o plantio seja feito em um local ensolarado, com boa drenagem e solo arenoso-argiloso. O sistema radicular da Murta é bastante profundo, então utilize um vaso com grande capacidade para evitar problemas de retenção de água. Antes de plantar, utilize um adubo orgânico para enriquecer o solo. Após o plantio, irrigue a área com frequência para assegurar uma boa absorção de nutrientes.

Doenças e Pragas da Murta em Recipiente

A Murta costuma ser resistente à maioria das doenças e pragas, mas alguns cuidados são importantes para prevenir problemas. Manter o solo bem drenado e irrigar com moderação são fundamentais para prevenir doenças fúngicas, especialmente nas plantas jovens. O excesso de água também pode provocar a infestação de cochonilhas e ácaros.

Adubação para o Cultivo da Flor de Ormoeiro

Para obter melhores resultados na cultura da Murta, é importante adicionar fertilizantes ricos em nitrogênio, potássio e fósforo durante todo o ciclo da planta. No início da primavera, utilize fertilizantes líquidos ricos em nitrogênio para estimular o desenvolvimento dos ramos e das folhas. Durante o verão, utilize fertilizantes líquidos ricos em potássio para melhorar a produção dos frutos. Por fim, no outono é importante adicionar fertilizantes ricos em fósforo para estimular o desenvolvimento das raízes.

Informações Gerais sobre a Cultura

A Murta é uma planta muito resistente que requer poucos cuidados. O plantio em vaso é uma boa opção para quem quer cultivar esta espécie em locais com pouca disponibilidade de espaço. Para isso, é importante manter o solo bem drenado e irrigar com moderação. Além disso, adicionar fertilizantes ricos em nitrogênio, potássio e fósforo nos momentos certos durante todo o ciclo da planta é fundamental para obter bons resultados.

murta em vaso

Como Fazer Replantio ou Transplante da Planta Murta em Vaso

Olá, meus amigos! Se você tem uma plantinha murta em casa e quer fazer um replantio ou transplante para dar uma revitalizada, veio ao lugar certo. Hoje vou te ensinar como realizar essa tarefa de forma divertida, na qual você pode se divertir enquanto cuida de suas plantinhas.

A primeira coisa que você vai precisar é de um vaso novo. Não gaste demais nessa aquisição – procure algo bonito mas barato. Depois disso, é hora de escolher o material para encher seu vaso. O ideal é usar terra específica para plantas, pois elas contém nutrientes importantes para elas crescerem saudáveis. É interessante também usar parte dele para ajudar a drenagem da água.

Agora que já estamos com o vaso pronto, vamos pegar a nossa plantinha e começar o transplante. Para isso, basta remover cuidadosamente a raiz da terra atual e colocá-la novas novas no vaso recém adquirido. Se estiver usando uma parte do solo antigo, coloque-a abaixo da raiz novas e cubra com o restante do solo novo.

Depois disso é só regar bem seu vasinho e colocá-lo em local adequado dentro de casa – longe do sol forte direto e onde possa receber uma boa iluminação indireta. Com esses passos simples, suas plantinhas voltarão à vida e prometerão encantar todos por onde passarem!

murta em vaso

Dúvidas Comuns:

1. Qual é a melhor maneira de cuidar da murta em vaso?

R: A melhor maneira de cuidar da murta em vaso é regando-a uma vez por semana, mantendo o solo úmido e adicionando fertilizante orgânico regularmente para garantir que ela receba os nutrientes necessários. Além disso, certifique-se de que a planta está exposta a luz solar direta pelo menos 6 horas por dia.

2. Quais são as vantagens de ter uma murta em vaso?

R: As principais vantagens de ter uma murta em vaso são sua beleza e versatilidade. Elas podem ser facilmente transplantadas para um local mais adequado quando necessário e também podem ser usadas para decorar qualquer ambiente, desde varandas a salas de jantar!

3. Por que devo sonhar com uma murta em vaso?

R: Sonhar com uma murta em vaso pode significar prosperidade, sorte e felicidade no futuro próximo. Também pode representar crescimento, força e resistência diante dos desafios da vida!

4. Posso replantar minha murta se ela não estiver se sentindo bem?

R: Sim, você pode replantar sua murta se ela não estiver se sentindo bem – mas antes disso você precisa certificar-se de que todas as condições necessárias (rega regular, luz solar direta etc) estão sendo cumpridas para garantir o bom desenvolvimento da plantinha!

Decore sua casa ou apartamento com a planta murta em vaso

Se você está procurando por algo diferente para decorar sua casa ou apartamento, considere adicionar um toque de natureza à sua decoração. A planta murta em vaso é uma ótima ideia para trazer vida e cor às suas paredes!

A murta é uma planta de folhas verdes lindas e brilhantes, que florescem em tons de roxo, branco e amarelo. Elas são fáceis de cuidar e podem ser cultivadas em qualquer local interno.

Para começar, escolha um vaso bonito e resistente para colocar a sua murta. Existem vários modelos disponíveis no mercado, feitos de diversos materiais como cerâmica, terracota, plástico e metal. Escolha um que combine com a decoração da sua casa.

Depois de escolher o vaso certo, é hora de encher-lo com terra. Uma boa terra para usar na murta é aquela rica em nutrientes e que seja bem drenada. Se você não conhece bem as características da terra, pode pedir ajudar a um jardineiro profissional.

Agora que o seu vaso está pronto para receber a planta, é hora de adicionar um pouco de magia! Coloque a murta no centro do vaso e cubra-a com terra até cobrir as raízes. Certifique-se de que ela esteja bem firmemente presa no vaso antes de adicionar água.

A rega é essencial para manter a saúde da sua murta. Não regue demais pois isso pode causar encharcamento do solo e prejudicar o desenvolvimento da planta. O ideal é regar uma vez por semana ou quando a terra estiver secando.

Uma vez que você tenha cuidado bem da sua murta, elas florescerão lindamente durante todo o ano. As flores vão trazer cor e alegria às suas paredes, criando assim um ambiente aconchegante e convidativo para todos os seus convidados.

Então não espere mais! Adicione um toque especial à sua casa com uma belíssima murta em vaso. Você vai se surpreender com os resultados!

murta em vaso

Para Estudantes do ENEM e Biológos

Fatos Históricos sobre a Planta Murta em Vaso

A planta murta é originária da região do Mediterrâneo, sendo comumente encontrada na Grécia, Chipre e Turquia. O nome científico desta espécie é Myrtus communis, sendo uma árvore perene que possui um porte arbustivo e ramificado, podendo atingir alturas de até 3 metros. A sua folhagem é composta por folhas verdes e lanceoladas, produzindo flores brancas no período entre os meses de junho e julho.

Devido à sua grande resistência a condições climáticas adversas, esta planta foi utilizada desde a antiguidade para fins medicinais. Segundo Plínio (1), o naturalista romano do século I d.C., a murta era usada para tratar problemas respiratórios e infecções urinárias. Além disso, também era conhecida por seu aroma refrescante que espantava insetos e animais peçonhentos.

Atualmente, a plantamurta em vaso é cultivada comercialmente para fins ornamentais ou medicinais. Estudos recentes realizados por Botelho et al (2) apontaram que ela possui propriedades anti-inflamatórias significativas. Portanto, devido à sua versatilidade e resistência, esta espécie tem sido cada vez mais procurada com o objetivo de decorar ambientes internos.

Em suma, a plantamurta em vaso é uma espécie milenar que possui diversas utilidades práticas. Além de ser bonita, ela possui propriedades medicinais comprovadas cientificamente.

Referências:

(1) Plínio – Naturalis Historia;

(2) Botelho et al – Anti-Inflammatory Properties of the Myrtus Communis Plant Extracts.

IMPORTANTE: O conteúdo deste artigo foi atualizado em 28-03-2023 pela equipe do GPA Brasil. O Artigo acima ou qualquer conteúdo do site tem função apenas informativa e deve ser utilizada sempre com atenção.

Deixe um comentário