Inseto Tesourinha ou Lacrainha

foto deuma lacrainha
Saiba tudo sobre o inseto conhecido como tesourinha ou lacrainha com nosso guia completo e atualizado.

O planeta terra tem milhares de espécies de todos os tipos de animais e insetos, alguns são pouco conhecido por humanos, outros já fazem parte do nosso dia a dia e já estamos mais que acostumado a compartilhar nosso espaço de vida como eles.

Principalmente os insetos, que compartilham nosso espaço frequentemente.

Eles estão em nossas casas, em nossos trabalho e quase nunca notamos a presença deles até que nos incomodam de alguma forma.

Um inseto que você provavelmente já viu mas nunca notou são as tesourinhas, que na verdade é uma espécie de insetos que tem corpo similar a uma tesoura (daí o nome).

E eles fazem muito mais do que somente coexistir como o ser humano.

Vamos falar um pouco mais sobre esses insetos que tem papel importante dentro da agricultura e da biosfera que estão entre nós sem percebemos.

O tesourinha se chama oficialmente de lacrainha, é um segmento de insetos, que tem esse formato singular de corpo, abdômen que termina em formato de pinça, que pode até mesmo lembrar um micro escorpião,  muito parecido como um pequena tesoura. (1)

A espécie tem diversos nomes populares como bicha-cadela, bicho-da-lenha, rapino, rapelho, raspelho e tesoura.

Onde vivem e o que comem?

O local onde os insetos tesourinha se desenvolvem são geralmente úmidos e escuros, dentro das casas geralmente ficam em vãos nos azulejos e pisos.

Eles são saem de suas tocas durante o dia, são caçadores noturnos.

O formato do corpo dos lacrainhas (Ou tesourinhas) explica muita coisa!

A pinça é utilizada como um forma de defesa mas também de ataque, os tesourinhas são raramente herbívoros, isso é, a grande maioria consome carne e é predador de outros insetos como formigas, grilos. (2)

inseto tesourinhas

Eles se desenvolvem melhor em ambientes de clima temperado, ou seja, áreas quentes, porém eles também conseguem viver no frio porém com mais dificuldades.

Na natureza eles vivem em troncos, folhas e vegetais. Como citado anteriormente, eles têm atividade noturna de caça, se alimentam geralmente de animais vivos, porém não é incomum ver eles carregando para suas tocas insetos mortos.

Seguindo o ciclo predatório, os predadores dos insetos tesourinha são em geral pássaros e alguns mamíferos que comem insetos.

Os insetos tesourinha não são considerados pragas, na verdade, são muito bem vindos quando o assunto é controle de insetos pequenos como formigas e pragas pequenas em plantações.

Uma característica incomum do insetos tesoura (lacrainha) são sua rápida movimentação, eles podem andar até dois hectares por dia, o que é muito acima da média para insetos. (3)

As variações nas derivações da espécie da tesourinha são poucas, as mudanças são de cor, de tamanho e também se tem asas ou não.

Perigo aos humanos?

Os insetos do tipo tesourinha são totalmente inofensivos aos humanos apesar do seu corpo um tanto assustador, as garrinhas e tudo pode lembrar até mesmo um mini escorpião, eles não usam a “tesoura” para ferir humanos, apenas para caçar.

Por isso, mesmo que ele esteja em apuros não vai recorrer a violência, isso já um bom motivo para não matá-lo.

Além é claro, dele controlar os insetos dentro da sua casa, ele pode ajudar a combater ácaros, formigas, grilos, mosquitos e até moscas

Não tenha medo, a reprodução deles é lenta e eles não se tornaram uma praga dentro da sua casa.

Reprodução das Tesourinhas

Um dos motivos dos insetos da espécie tesourinha não serem considerados pragas, é por sua reprodução lenta.

Diferente por exemplo das formigas fantasmas, os insetos desse segmento só se reproduzem uma vez ao ano, na estação mais quente, o verão.

Uma curiosidade sobre a espécie é que durante o período de reprodução, as fêmeas ficam muito famintas, se tornam canibais e geralmente comem os machos.

O número anual de ovos da espécie é em média 40 ovos, que são depositados preferencialmente no ar livre, em áreas escondidas em troncos e folhas, a fêmea fica de vigia durante todo o período de desenvolvimento do ovo, cerca de uma semana.

Classificação

Os insetos do segmento lacrainha são divididos em duas subcategorias, forficulina e Arixeniidae.

E dentro dessas subcategorias podem se encontrar oito famílias e seis dessas são estritamente tropicais, todas podem ser encontradas no Brasil, mas duas são mais comuns:

  • São elas a forficulidae, que tem coloração marrom, tem asas e medem cerca de 20mm de comprimento;
  • E a Labiidade, que tem antenas compridas e corpo com tamanho de 15mm, a espécie tem duas variações de cor, marrom e preta.

Controle de pragas nas fazendas

Por mais improvável que pareça, as tesourinhas podem ser utilizados como uma forma de controle de pragas, isto é, colocando mais insetos em um lugar você controlar espécies que são agressivas as plantações como larvas, grilos e formigas. (4)

Usar os insetos tesourinha como controle de praga é uma ótima saída, afinal, eles são carnívoros (não irão recorrer em comer as plantas) e também são muito indicados do que o uso de agrotóxicos.

O único problema é que se despejarem uma grande quantidade de insetos do tipo tesoura, sem qualquer tipo de atenção profissional, pode causar um desequilíbrio para a biosfera local.

É recomendado que você coloque insetos da espécie em somente 70% das suas plantas, porque naturalmente eles vão se separar e também se reproduzir.

Resumindo, esse inseto pode perfeitamente ajudar os humanos como sua agricultura desde que bem utilizado, ele irá ser predador das pragas e não vai danificar sua plantação, uma saída muito mais saudável por conta de substituir os agrotóxicos anti-praga.

Existe um comércio de lacrainhas no meio da agricultura, elas podem ser inicialmente um investimento maior do que agrotóxicos, porém, terá resultados mais ideais para uma produção até mais rentável.

A espécie mais utilizada nas plantações são as Doru luteispe.

Leia também sobre o barbeiro causador da doença de chagas.

Conclusão

Portanto, por mais improvável que pareça, nem todos os insetos são ruins para humanos, passam doenças ou são irritantes (como mosquitos).

Os insetos do tipo tesourinha (lacrainhas) podem ser grande parceiros dos humanos, principalmente os agricultores, são inofensivas para a vida humana e podem ajudar muito.

Com certeza, a espécie de tesourinhas é uma responsável por olharmos os insetos como outros olhos.

 

Ana Fernandes

Curitibense, apaixonada por animais, tutora do Theo e defensora ativa da natureza. Criou o Grupo de Proteção Ambiental Brasil - GPA como forma de compartilhar suas informações com o mundo.
Ana Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *