CICLO DE VIDA E REPRODUÇÃO

ciclo de vida e reprodução

Uma das grandes pesquisas que sempre são a base de estudo dos cientistas pelo mundo é para saber como funciona o ciclo de vida e reprodução dos seres vivos, animais e dos vegetais.

É importante compreender esse processo no sentido de conhecer as características pessoais de cada classe dessas.

Então, o ciclo de vida é formando desde o nascimento do embrião, em seguida o seu período pré-reprodutivo, depois vem o período reprodutivo, o pós-reprodutivo e a sua morte.

No caso das espécies anuais todo esse processo acorre durante o ano.

Já para as espécies perenes que são aquelas que possuem ciclo de vida longo, esse processo dura anos e anos.

É possível perceber que durante as fases de crescimento, pré-reprodução e reprodução o organismo precisa de mais recursos.

Mas o crescimento diminui quando esse organismo atinge a sua idade reprodutiva. E na maioria das vezes esse crescimento acaba.

Em relação aos recursos na fase de reprodução (gestação) é preciso uma quantidade maior de alimentos devido serem dois organismos necessitando de nutrientes.

Com base nisso, abaixo falaremos sobre as fases de reprodução e as principais informações sobre os ciclos de vida.

reprodução e clico de vida

FASES DA REPRODUÇÃO

Os conceitos biológicos destinados a matéria de fases de reprodução alegam que em relação a reprodução, o seu processo é dividido em dois tipos de espécies reprodutoras que são as iteróparas e semélparas:

  1. A primeira espécie que são as iteróparas: consistem em organismos que se reproduzem de forma rápida. Nessa reprodução é gasto a maioria dos recursos que o organismo possui e sobrevivem apenas para reproduzirem-se novamente no futuro. Porém isso é relativo pois não se sabe quantos casos brotarão da reprodução, então é possível gastar todos os recursos em uma única reprodução ou conseguir guardar recursos para a próxima reprodução.
  2. Já a segunda espécie são as semélparas: o progenitor reproduz e em seguida ocorre a sua morte.

Voltando as espécies que se reproduzem de forma anual, o seu ciclo reprodutivo é muito bem definido, tanto em relação as latitudes temperadas e a sazonalidade bem marcada.

Essa espécie apresenta uma tendência a brotar ou nascer durante a época em que as temperaturas estão em elevação, o que ocorre em regra na primavera.

Elas crescem rápido, se reproduzem e morrem antes que o verão comece.

Porém, muitos organismos passam a maior parte do ano na condição de sementes, cistos, ovos ou esporos.

E nessa condição é possível que o organismo dure mais de um ano. Mas é fundamental para criar resistência e para que ele possa sobreviver a baixas temperaturas e secas prolongadas.

Nas espécies que apresentam ciclos de vida maiores longos, existe um ritmo sazonal na atividade reprodutora.

reprodução

Já para os vegetais, o período de reprodução ou floração está relacionado com a foto periodismo (é um efeito que descreve as adaptações que ocorrem em plantas ou animais que apresentam momentos de exposição a luz).

Então, em resumo, umas espécies possuem organismo com vida pré-reprodutiva bem maior, podendo apresentar uma grande atividade reprodutiva e depois, em seguida morrer.

Já outras espécies apresentam longevidade muito ampla, e apenas um evento reprodutivo.

Nesse caso, a idade e o tamanho do indivíduo têm grande importância sobre as suas futuras chances de se reproduzir novamente.

CICLO DE VIDA E REPRODUÇÃO: RELÓGIO NATURAL

De acordo com os cientistas a maioria dos animais e vegetais possuem ciclos definidos com base na repetição daquela ocorrência no decurso do tempo.

No caso dos vegetais o seu ciclo é altamente regular e baseado nas estações; suas relações começam na primavera para se reproduzirem e morrerem antes de chegar o verão.

Já para os seres humanos não existe uma ordem específica para a chegada dos filhos. É natural que os nascimentos ocorram que todas as estações do ano independente de clima ou recursos.

Já no mundo animal, apesar de não haver regras eles seguem apenas o seu instinto que é de procriar.  clico de vida

CICLO DA VIDA: QUAL SEU SIGNIFICADO?

O ciclo da vida são fases que o organismo apresenta; desde o feto com o nascimento das células até sua fase idosa em que vai acorrendo a morte dessas células.

O estudo da reprodução é, portanto sempre focado em como ocorre o começo da vida com base em simples relações.

Falando em termos mais práticos os organismos possuem ciclos de vida diferenciados e se relacionam de forma direta com o meio ambiente.

Por exemplo; o ciclo de vida que se aplica a uma angiosperma é baseado em semeação, porém pode haver a reprodução por meio dos estolhos (reprodução assexuada).

Já para a reprodução sexuada são indivíduos que se relacionam para gerar novas espécies que apresentam códigos genéticos diversos.

Então, o ciclo de vida são as transformações que os seres humanos apresentam durante toda a sua vida e não existe um modelo geral, cada categoria apresenta um tipo específico.

Deixe uma resposta